Metal Reunion Zine

Blog que reúne notícias referentes a bandas, artistas, eventos, produções, publicações virtuais e impressas, protestos, filmes/documentários e quadrinhos independentes/underground ligados de alguma forma a vertentes da cultura Rock'n'Roll e Heavy Metal do Brasil e também de alguns países que possuem parceiros de distribuição do selo Music Reunion Prod's and Distro e sua divisão Metal Reunion Records.

sexta-feira, 31 de março de 2017

CREPÚSCULO DOS ÍDOLOS - Thoth - Resenha CD


CREPÚSCULO DOS ÍDOLOS
“Thoth”
C.D.I.  – Nac.
Depois de duas Demos, a banda paranaense Crepúsculo dos Ídolos lançou, em 2011, esse seu primeiro álbum, “Toth”. O título do álbum é um nome de um deus egípcio, deus da escrita e a divindade que revelaria aos homens quase todas as disciplinas intelectuais. Apesar de o título levar a acreditar que o álbum traz letras que, porventura, seguem uma temática conceitual, isso não ocorre. As letras seguem, sim, uma temática, mas não há uma ligação entre uma e outra, numa espécie de história. O conteúdo é totalmente anticristianismo e satanista, com algumas citações a divindades/deuses egípcios. O Black Metal da banda é bem enigmático, tendo seu início – com a música “Banquete de Sangue (Introdução)” – carregado de uma levada bem obscura e intrigante, inclusive com alguns vocais sendo murmurados. Já em “Volúpia” podemos ouvir um Black Metal nos moldes dos anos 90, com uma ‘pegada’ ríspida, doentia, com andamentos velozes, porém o que foge, um pouco, do que se fazia no início do Black Metal, principalmente nos países nórdicos (e que veio a ser usado tempos depois) é a inclusão de partes de teclados, criando um clima tétrico ao andamento musical. As letras são vociferadas com ódio, todas apresentadas no nosso idioma pátrio. E voltando a falar sobre as letras, elas parecem ter sido retiradas de algum livro antigo de encantamentos, até mesmo pela forma que as mesmas são apresentadas. Tudo que rodeia esse lançamento, da parte lírica, passando pelo instrumental e arte gráfica (bem informativa, mas que não traz fotos dos integrantes), é bem enigmática, e a banda não se limita a apenas apresentar agressividade em sua música. A cadenciada e doentia “Alta Sacerdotisa” é um bom exemplo disso. Black Metal bem feito, sem se prender ao lado agressivo do estilo.

Contatos: A/C Jackson Daniel Adami. Rua Souza Naves, 3124 – Ciro Nardi. Cascavel/PR. CEP: 85.802-080.
Site: www.myspace.com/crepusculodosidolos
E-mail: crepusculo93@gmail.com

Resenha por Valterlir Mendes

Nenhum comentário:

Postar um comentário