Metal Reunion Zine

Blog que reúne notícias referentes a bandas, artistas, eventos, produções, publicações virtuais e impressas, protestos, filmes/documentários e quadrinhos independentes/underground ligados de alguma forma a vertentes da cultura Rock'n'Roll e Heavy Metal do Brasil e também de alguns países que possuem parceiros de distribuição do selo Music Reunion Prod's and Distro e sua divisão Metal Reunion Records.

domingo, 30 de abril de 2017

ATLANTIS - Summoning the Witch - Resenha Demo


ATLANTIS
“Summoning the Witch”
Independente – Nac.

Esse primeiro lançamento do Atlantis, que vem em forma de EP, é aberto com uma “Intro”, retirada de algum filme épico, de acordo com as vozes e o barulho de espadas, mas não consegui identificar qual. É uma “intro”, de certa forma, grande, e logo emendada à música “Dracul”, que traz aquela velha forma de se fazer Heavy Metal, com guitarra e baixo andando lado a lado. Falando sobre o baixo, ele ficou bem ‘na cara’, já que a gravação, mais grave, ajudou as quatro cordas nesse quesito. Os vocais são usados de forma mais limpa, saindo um pouco para o agudo, e bastante influenciado pela NWOBHM, de bandas mais obscuras. Inclusive o Atlantis chega a homenagear uma de suas influências nesse EP, talvez sua maior influência, a se tirar pelo que ouvimos nas cinco músicas próprias. Mesmo com as influências, de alta qualidade, achei que faltou um pouco mais de ‘punch’ em algumas passagens, principalmente nos vocais, já que alguns andamentos pedem certa agressividade e o já citado ‘punch’. Lapidando um pouco mais esse lado, certamente a banda alçará maiores voos, já que ideias muito boas são apresentadas, como é o caso da ótima “Flight Malaysia” e da faixa-título, que são músicas simples, altamente indicadas para quem curte aquele velho Heavy Metal tradicional mais direto. Já a semi-balada “Chanied” se perdeu um pouco, já que os vocais não convencem. Voltando a falar sobre a gravação, ela deixou a sonoridade do EP bem parecida com o que se ouve nos velhos registros do Heavy Metal, principalmente aqueles feitos na década de 80. A capa também traz uma aura ‘old school’. O encarte, em envelope, traz informações básicas. O Atlantis é formado por Tino Barth (vocal/guitarra), Fellipe França (baixo) e Rubens Lamin (bateria). Ah, o cover apresentado foi para a música homônima do lendário Angel Witch.

Site: www.facebook.com/AtlantisHeavyMetal

Resenha por Valterlir Mendes

Nenhum comentário:

Postar um comentário